sexta-feira, 18 de agosto de 2017

NÚCLEO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO REALIZA MAIS UMA FORMAÇÃO CONTINUADA PARA PROFESSORES DE EJA


Nesta quarta feira, 16 de agosto de 2017, realizou-se mais uma Formação Continuada para EJA I, sobre orientação da Assessora Marina Machado. A ação aconteceu no Cedup com participação dos professores lotados nas turmas de EJA I das zonas rural e urbana.


Objetivos:

- Apresentar e vivenciar as sequências didáticas, para os 2º e 3º meses de atividades diárias de sala de aula, produzindo os materiais necessários para o trabalho pedagógico. 


- Avaliar as atividades da 1º sequência didática do ano de 2017;
 

- Apresentar a avaliação diagnóstica de saída dessa 1ª etapa de 2017, e utilização, com o intuito de verificar os conhecimentos dos alunos no final do processo de alfabetização, e demais módulos correspondentes ao final do Ensino Fundamental I. 

Por Marina Machado
Assessora/EJA

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Inscrições para o Encceja se encerram nesta sexta-feira


Terminam nesta sexta-feira, 18, as inscrições do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja). O teste será aplicado em todo o território nacional.

O exame é a prova que substituirá o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) na função de certificação para o ensino fundamental e médio. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site do site: http://enccejanacional.inep.gov.br/encceja. No ato da inscrição, o estudante deve informar o CPF e o número da cédula de identidade.

Podem se inscrever jovens e adultos residentes no Brasil ou no exterior que não tiveram a oportunidade de concluir os estudos em idade própria e desejam obter a certificação.

Para a obtenção do certificado de ensino fundamental, os interessados precisam ter no mínimo 15 anos completos. Já para o ensino médio, a idade mínima é 18.

As provas serão realizadas em outubro, em todos os estados brasileiros. 

No Acre, os testes serão aplicados em quatro cidades: Brasileia, Rio Branco, Feijó e Cruzeiro do Sul.

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Governo do Estado vai investir R$ 1 milhão no Bombeiro Mirim

SECOM/AC - “Hoje tenho noções de primeiros socorros e de como ser uma pessoa melhor, colaborando para o bem das outras pessoas”, disse, orgulhoso, Rodrigo Sousa, de 11 anos, durante sua formatura e de mais 162 adolescentes nesta terça-feira, 15, em Mâncio Lima.

A solenidade contou com a presença da vice-governadora Nazareth Araújo, que destacou o trabalho e os investimentos que o governo do Estado tem feito ao longo dos anos na prevenção e combate à violência. Na oportunidade, foi anunciado que o governo do Estado vai investir R$ 1 milhão no projeto Bombeiro Mirim. visando contemplar outros jovens acreanos.

“Participar de momentos como este é muito gratificante. Estas crianças estão sendo abraçadas por valores, conceitos e princípios que irão lhes permitir levar às comunidades onde residem a ideia de cultura de paz. O governo e suas famílias estão lhes dando a capacidade de visualizarem o futuro melhor dentro das regras da boa convivência e de amor ao próximo”, explicou Nazareth.

Criado como um instrumento social atuando com foco na promoção da qualidade de vida, prevenção da criminalidade e da violência, por meio de um conjunto estruturado de políticas públicas voltadas para a inclusão social, integração e mobilização comunitária, o projeto Bombeiro Mirim tem como eixo principal a defesa da vida, o respeito à cidadania e a garantia dos direitos fundamentais da criança e do adolescente.

“Nós, do Corpo de Bombeiros, estamos imensamente felizes, pois aqui sabemos que muitos pais vão ficar tranquilos por saberem que os filhos estão participando deste programa. Parabéns ao governo, pela decisão firme de alocar recurso para que este projeto aconteça”, disse o comandante do CBMAC, Roney Cunha.

Emylson Farias, secretário de Estado de Segurança Pública, aproveitou a oportunidade para enfatizar que o projeto funciona como uma extensão da escola em tempo integral. “Os jovens são atendidos no contraturno, o que é maravilhoso na guerra contra a violência”, observou.
Municípios contemplados

Hoje o projeto contempla as cidades de Tarauacá, Xapuri, Sena Madureira, Epitaciolândia, Feijó e Cruzeiro do Sul. Este ano, em todo o Acre, foram beneficiados mais de 1,5 mil jovens com idade entre 12 e 14 anos. O próximo passo será a implantação do projeto na Cidade do Povo, em Rio Branco. A expectativa é de que o número salte para 1,7 mil jovens atendidos.

O prefeito de Mâncio Lima, Isaac Lima, falou de sua alegria em ter solicitado a realização do projeto. “As famílias estão ganhando jovens mais conscientes, mais atuantes na busca por um mundo melhor. Ações como estas contribuem para a melhoria de vida da população de nossa cidade, proporcionando condições favoráveis que auxiliem na formação integral das crianças e adolescentes”, revelou.

domingo, 13 de agosto de 2017

MENSAGEM DO NÚCLEO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO AOS PAIS DE TARAUACÁ

Professora Francisca Aragão Leite, Coordenadora do Núcleo Estadual de Educação

A Professora Francisca Aragão Leite, Coordenadora do Núcleo Estadual de Educação, em nome do Governo do Acre, vem a público manifestar desejos de felicidades aos pais de Tarauacá, especialmente aos servidores da educação, pela passagem de seu dia, neste domingo. 

Pai é muito mais que um ato de colocar os filhos no mundo, a ele cabe participar efetivamente da educação e se educar junto aos filhos. 

Tarauacá-Acre, 13 de julho de 2017.

Francisca Aragão Leite 
Coordenadora 

sábado, 12 de agosto de 2017

ÓRGÃOS SE REÚNEM E ELABORAM PLANO DE COMBATE ÀS QUEIMADAS PARA TARAUACÁ


Uma importante reunião foi realizada na última quarta-feira, 9, no Centro de Educação Permanente de Tarauacá, para reforçar a campanha de combate às queimadas dentro das salas de aula. Estiveram presentes Equipes do Núcleo Estadual de Educação, gestoras das escolas, professores de áreas ligadas ao meio ambiente, Corpo de Bombeiros e demais órgãos responsáveis pela área do meio ambiente.


Do encontro, nasceu a ideia da elaboração de um Plano de Combate às Queimadas para ser desenvolvido no âmbito do município, com objetivo de integrar integrar o poder público, diretores de escolas, equipes pedagógicas professores de Ciências da Natureza e Geografia, além de órgãos responsáveis por essa problemática.


As queimadas são motivo de preocupação durante esse período de estiagem, principalmente quando são feitas de forma desordenadas prejudicam o solo, as florestas, as nascentes e os animais. Quando fogem do controle, causam prejuízos imensuráveis, prejudicando a nossa saúde, provocando doenças respiratórias em idosos e crianças.

Além das queimadas provocadas no meio rural, atualmente, temos visto um grande número de em áreas urbanas, a população urbana tem produzido grande quantidade de lixo, muitos desses tóxicos não recebem uma destinação adequada, de forma que grande parte desses lixos são jogados em lugares públicos e terrenos baldios, rios, cor regos e igarapé, causando enormes problemas. Por causa do grande acúmulo de lixo, muitas vezes, as queimadas urbanas são inevitáveis e consequentemente causam problemas ambientais e atingindo a saúde pública.



PLANO DE COMBATE ÀS QUEIMADAS

OBJETIVOS:

Informar ao público alvo sobre os riscos e prejuízos advindos do uso inadequado do fogo;
Formar e capacitar brigadista para atuar na prevenção e combate a incêndios e no controle de queimadas:
Minimizar os danos materiais, ambientais e humanos causados pelos incêndios.

PÚBLICO ALVO:

Gestores públicos;
Agricultores; 
Comunidade escolar;
( professor/aluno);
População em geral;
Brigadistas.

PARCEIROS: 

IMAC;
IFAC;
Corpo de bombeiros;
Defesa Civil;
Sec. Meio Ambiente;
Seaprof;
Polícia Militar.
Redes de Ensino Estadual e Municipal

AÇÕES:

Capacitar brigadas civis no município para prevenção a incêndio florestal;
Realiza campanha educativa de prevenção ao fogo;
Mobilizar e conscientizar o povo em geral sobre os riscos que o fogo pode causar;
Realizar visitas de sensibilização e orientação nas comunidades rurais;
Fazer levantamento de dados de saúde referente as infecções respiratórias agudas.
Confecções de materiais didáticos informativos;
Oferecer cursos que promovam o preparo dos brigadistas para prevenção e combate aos incêndios florestais e urbanas.
Realizar audiências públicas envolvendo a temática em questão.
Criar mecanismos capazes de promover o envolvimento da sociedade em geral;
Distribuição de Panfletos;
Operação Integrada;

DATA DA EXECUÇÃO:

De agosto a outubro;

METODOLOGIA:

Campanha educativa de prevenção ao fogo;
Vídeo informativo; 
Visitas de sensibilização e orientação nos bairros; 
Formação que prepare os brigadistas no combate a incêndio;
Elaboração de faixas, cartazes, panfletos, peças teatrais, paródia, etc. de conscientização nos bairros e comunidades;
Palestras, visitas nas comunidades rurais;
Realização de palestras e atividades lúdicas;
Divulgação nas rádios e redes sociais;
Realização de seminários;
Distribuição de material didático e informativo (panfleto, folder, cartazes
Caminhada no bairro de cada escola

RESPONSÁVEIS PELA AÇÃO:

Bombeiros;
Bombeiros mirins;
Defesa civil;
Gestores;
Alunos;
IFAC;
IMAC;
Rádio AM.
Escolas
Professores das disciplinas de ciências da natureza e Geografia
Rádio FM;
Núcleo de educação.
Corpo de Bombeiros/Coord. De Ensino Rural
Equipe Gestora e Professores, alunos e instituições envolvidas;

LOCAIS: 

IFAC;
Escolas;
Bairros;
Área Rural;

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

TARAUACÁ: REALIZADA AULA INAUGURAL DO MÉDIOTEC

Aula Inaugural do Médio Tec (foto: Vitório Silva/Assecomtk)
Foi realizada em Tarauacá na tarde desta quinta feira, a aula Inaugural  do MédioTec, uma ação do Pronatec/Bolsa-Formação, que visa a ofertas de cursos técnicos concomitantes ao ensino médio para alunos regularmente matriculados nas redes públicas. 

O evento, que aconteceu no auditório do Sinteac, contou com a presença da Professora Rita Paro Presidente do Instituto Dom Moacy, Professora Francisca Aragão, Coordenadora do Núcleo Estadual de Educação, Prefeita Marilete Vitorino, Coordenadora do IDM em Tarauacá Maria Bento, Vereadores e Estudantes. 

Em Tarauacá foram selecionados 150 estudantes que cursam o ensino médio e que agora têm a oportunidade de fazer um curso técnico.

A Diretora do Instituto Dom Moacy, professora Rita Paro, destacou, ”aqui em Tarauacá vocês estão tendo a oportunidade de enveredar o caminho para o bem e para um futuro promissor. Mas é preciso ter coragem e força para não retroceder. Vejam que agora ou você segue ou entra num mundo verdadeiramente sem volta que o caminho das drogas".

Professora Francisca Aragão agradeceu mais esse investimento na educação dos município destinado essencialmente aos jovens. "Caros jovens aproveitem essas oportunidades que se apresentam na vida de vocês através da educação que é o melhor caminho a se seguir para que possamos garantir um bom futuro pra todos", disse a coordenadora.

Para a Prefeita Marilete os cursos, além da formação intelectual, preparam os jovens para o mercado de Trabalho. Os cursos que agora vão ser oferecidos são curso de excelência. Vocês que valorizarem, realmente, vão sair do curso, preparados para o mercado de trabalho. Às vezes a gente precisa de uma pessoa preparada, qualificada e não encontra. Com certeza o Instituto Dom Moacyr, através desses cursos técnicos, vão preparar vocês como preparou outros jovens em outras áreas e agora é a vez de aproveitarem", destacou.

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

NÚCLEO REALIZA II FORMAÇÃO CONTINUADA PARA GESTORES E COORDENADORES


Núcleo Estadual de Educação em Tarauacá, realizou nos dias 08 e 09 de agosto de 2017, a II Formação Continuada para Gestores, Coordenadores de Ensino e Pedagógicos da Rede Estadual. 

A formação teve como objetivos:

- Refletir sobre as ações realizadas na escola e suas implicações para o planejamento pedagógico, identificando o que pode contribuir para redirecioná-las, considerando as necessidades de aprendizagem dos alunos e o aprimoramento dos professores; 

- Fortalecer a relação entre a gestão da escola com a gestão de sala de aula e aprendizagem dos alunos, compreendendo o planejamento, a observação em sala e devolutivas como modalidades privilegiadas de formação em serviço; 

- Articular e consolidar as ações da equipe escolar, fortalecendo o trabalho do gestor, coordenador de ensino, coordenadores pedagógicos e professores, de maneira que se organizem pedagogicamente como unidade escolar.





Inscrições para exame que dá certificação do ensino fundamental e médio estão abertas


Estão abertas em todo o país as inscrições para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja). O teste é a prova que substituirá o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) na função de certificação para o ensino fundamental e médio.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site do http://enccejanacional.inep.gov.br/encceja até o dia 18 de agosto.

Podem se inscrever jovens e adultos residentes no Brasil ou no exterior que não tiveram a oportunidade de concluir seus estudos em idade própria e desejam obter a certificação.

“Qualquer pessoa pode se inscrever. O único pré-requisito é a idade”, explica Fernanda Nóbrega, coordenadora do Ensino de Jovens e Adultos (EJA) da Secretaria de Estado de Educação e Esporte (SEE).

Os interessados precisam ter no mínimo 15 anos completos para a prova do ensino fundamental, enquanto para a prova do ensino médio a idade mínima é de 18 anos. O exame é gratuito.

No ato da inscrição, o estudante deve informar o CPF e o número da cédula de identidade.

As provas 

As provas serão realizadas no dia 22 de outubro, em 564 locais, distribuídos em todos os estados da federação. 

No Acre, os testes serão aplicados em quatro cidades: Brasileia, Rio Branco, Feijó e Cruzeiro do Sul.

Material de estudo 

Para os candidatos interessados em se aprimorar para a prova, a SEE disponibilizou material de estudo contendo assuntos em todas as áreas do conhecimento.

Para ter acesso aos livros é só acessar o link da instituição no endereço: http://see.ac.gov.br/portal/index.php/noticias-em-geral/34-slideshow/692-divulgado-o-edital-para-o-encceja-2017.

Educação abre processo de certificação para gestores de escola

A Secretaria de Estadual de Educação publicou na segunda-feira, 7, o edital para os servidores que desejam adquirir certificação para função de diretor de unidades escolares. Hoje, para participar do processo eleitoral de direção escolar, é necessário que o servidor participe de um processo de certificação e exame final.

Certificação em datas anteriores; processo é necessário para tornar-se gestor (Foto: Stalin Melo/Asscom SEE)
O processo de certificação visa a formação de um banco de reserva para atender Tarauacá, Cruzeiro do Sul, Porto Valter, Santa Rosa, Capixaba, Epitaciolândia, Assis Brasil, Rodrigues Alves e Acrelândia. As inscrições vão de 21 a 31 de agosto no site lotus.see.ac.gov.br/procedi.

Podem se inscrever no processo, os professores que estejam, há pelo menos três anos, no exercício efetivo da função e servidores de apoio com formação superior em Administração Pública, Administração Escolar ou Processos Escolares.

Segundo o coordenador da Escola de Gestores, Francisco Weyder Oliveira, em 2015 já houve uma certificação para os diretores que entraram em 2016 e que deixam o cargo em 2020. Em 2016, houve um segundo processo de certificação, atendendo ao parecer da Procuradoria Geral do Estado Nº 240/2011.

“Esta terceira certificação ocorrerá porque algumas cidades não dispõem mais de banco de funcionários certificados para ocupar a direção das unidades de ensino, como prescreve a Lei de Gestão Democrática, Lei 3.141/16, em detrimento, principalmente, de alguns diretores terem aposentado, passando para o quadro de inativos”, informa Oliveira.

Ainda segundo o coordenador, é importante que cada candidato tenha atenção ao se inscrever no processo seletivo, já que além de escolher o município para o qual pretende compor o banco de reserva, escolhe também a zona (rural ou urbana) a que a unidade escolar de seu agrado pertence dada a impossibilidade de, uma vez concluído o processo de certificação, o servidor migrar de uma zona a outra.

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

NÚCLEO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO ATRAVÉS DA COORDENAÇÃO DO PROGRAMA QUERO LER REALIZA A I FORMAÇÃO CONTINUADA PARA PROFESSORES ALFABETIZADORES.


Realizada com sucesso a 1ª formação continuada para os professores alfabetizadores do Programa Quero do município de Tarauacá das zonas urbana e rural. Com uma carga horária de 16 horas aulas, o encontro aconteceu no CEDUP.

Os principais objetivos do encontro:  

· Assegurar aos professores alfabetizadores uma reflexão sobre a prática pedagógica, através das principais formas de intervenção que levem os alunos avançar no processo de ensino aprendizagem.

· Proporcionar conhecimento e orientação das atividades do caderno e do quadro de organização de atividade nas áreas de Linguagem e códigos, Noções Lógico-matemáticas e Estudo da Sociedade e Natureza, de modo a garantir a efetividade do ensino e aprendizagem dos alfabetizandos.





Começam as inscrições do Encceja 2017


Começam hoje (7) as inscrições para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2017. Ele é direcionado aos jovens e adultos que não tiveram a oportunidade de concluir seus estudos em idade própria. A prova ocorrerá em 22 de outubro.

As inscrições são gratuitas e vão até o próximo dia 18. Elas podem ser feitas exclusivamente na internet, pelo sistema de inscrição disponível no portal do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Para participar do Encceja, o estudante precisa ter, no mínimo, 15 anos completos na data de realização do exame, para quem busca a certificação do ensino fundamental. Quem busca a certificação do ensino médio precisa ter, no mínimo, 18 anos completos na data da prova.

O exame tem quatro provas objetivas, cada uma com 30 questões de múltipla escolha, e uma proposta de redação. Na Página do Participante é possível se informar sobre as competências que serão cobradas na prova.

O Encceja Nacional oferece atendimento especializado, específico e auxílios ou recursos de acessibilidade, que devem ser solicitados durante a inscrição; eles estão listados no edital e na Página do Participante. Também é feito atendimento pelo nome social, para participante travesti ou transexual que quiser tratamento pela sua identidade de gênero. Nesse caso, ele deverá ser solicitado após o período de inscrição, entre 21 e 25 de agosto, pelo sistema de inscrição.

O Encceja para adultos sob penas privativas de liberdade e adolescentes sob medidas socioeducativas que incluam privação de liberdade no Brasil (Encceja Nacional PPL) têm edital, período de inscrição e data de aplicação específicos. Segundo o Inep, o edital do Encceja Nacional PPL será divulgado em breve.

REGRAS E DATAS DO ENCCEJA

Data da prova: 8 de outubro (manhã e tarde)
Inscrições: 7 a 18 de agosto.
Quem pode fazer: a partir de 15 anos – nível fundamental; a partir de 18 anos – nível médio.
Locais de prova: 564 cidades; lista não foi divulgada
Como será a prova: Redação + 30 itens de múltipla escolha por área, somando 120 questões.
Pontuação: recebe o diploma que tirar ao menos 50% em cada área, inclusive na redação.
O que vai cair na prova: O Inep diz que a prova terá as mesmas referências do Enem. O edital com detalhes será publicado em 24 de julho.


A prova, que não era aplicada desde 2014, também valerá para a certificação do ensino fundamental. A estimativa é de 222.180 participantes no ensino fundamental e de 815.731 candidatos de nível médio. Serão 564 municípios participantes, em contraste com as 1,7 mil cidades onde o Enem aconteceu em 2016.

Custo do exame

Até o ano passado, os estudantes com mais de 18 anos poderiam usar o desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para receber o diploma do ensino médio. Agora, a certificação será feita exclusivamente pelo Encceja, que atualmente é aplicado no Brasil e no exterior para a certificação de conclusão do ensino fundamental.

A prova será elaborada e aplicada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e terá 30 questões de múltipla escolha, com quatro alternativas de resposta. O aluno deverá atingir pelo menos 50% de acertos em cada prova, e pelo menos 5 pontos na redação. O custo estimado do Encceja é de R$ 40 por aluno.

Segundo o Inep, o Encceja é o instrumento mais adequado para avaliar as pessoas que não tiveram oportunidade de concluir os estudos em idade apropriada. “O Enem, na sua estrutura, não é um exame para a certificação do ensino médio. Ele se caracteriza muito mais para o acesso ao ensino superior. O Encceja é preparado para fazer esse tipo de avaliação, das pessoas que não tiveram acesso na idade certa”, disse hoje (26) a presidente do Inep, Maria Inês Fini. Menos de 10% das pessoas que fazem o Enem com o objetivo de certificação conseguem o diploma do ensino médio, informou.

O Encceja pode ser feito por pessoas com pelo menos 15 anos, no caso da certificação do ensino fundamental, e 18 anos para a certificação do ensino médio. O Inep espera que 222 mil alunos do ensino fundamental participem da prova e 815 mil, do ensino médio. O exame também será aplicado para presos e para brasileiros que moram no exterior


Avaliação de escolas

A partir deste ano, o Enem não será mais utilizado como avaliação das escolas. Agora, as escolas serão avaliadas pelo Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb). A presidente do Inep, Maria Inês Fini, explicou que o Saeb faz uma avaliação mais ajustada das instituições de ensino médio.

“O desempenho dos alunos é um dado importantíssimo para compor a avaliação das escolas, mas não é o único. Dados contextuais são importantes para caracterizar melhor essa avaliação. Além disso, as provas que compõem esse sistema são bastante detalhadas naquilo que se diz oficialmente que deveria ter sido ensinado. Por isso, muito mais justiça na avaliação se pratica no Saeb”, afirmou.

A estimativa do Inep é que 114,8 mil escolas sejam avaliadas por meio do Saeb neste ano. Agora, todas as escolas públicas e privadas que ofereçam ensino médio serão avaliadas. Até o ano passado, a avaliação da etapa era feita por amostragem.

A adesão das escolas será feita entre 27 de junho e 14 de julho, em sistema on-line, disponibilizado no portal do Inep. A taxa de inscrição varia entre R$ 400 e R$ 4 mil, de acordo com o número de alunos. A aplicação dos testes e questionários em todas as escolas ocorrerá entre 23 de outubro e 3 de novembro. Os resultados devem ser divulgados em agosto do ano que vem.

Enem

O Inep também informou que, até o momento, 6,73 milhões de inscrições foram confirmadas para o Enem de 2017, que será realizado nos dias 5 e 12 de novembro. O número ainda pode aumentar, porque novas inscrições podem ser confirmadas por decisão judicial.

No ano passado, o Enem teve 8,6 milhões de pessoas inscritas. Para o Inep, a diferença pode ser explicada pelo número de estudantes que deixarão de fazer o exame este ano para obter a certificação do ensino médio.

O que é o Encceja

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) é um exame gratuito e de participação voluntária ofertado aos jovens e adultos residentes no Brasil e no Exterior que não tiveram oportunidade de concluir seus estudos em idade própria.

Constitui-se em um exame para aferir as competências, habilidades e saberes adquiridos no processo escolar ou nos processos formativos. Esses últimos incluem o desenvolvimento na vida familiar, na convivência humana, no trabalho, nos movimentos sociais e organizações da sociedade civil e nas manifestações culturais, entre outros.

A partir deste ano, com a publicação da Portaria nº 468 de 3 de abril de 2017, os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio não poderão ser utilizados para fins e certificação do Ensino Médio. Dessa forma, o Encceja passa a ser ofertado para participantes que desejam certificar-se no Ensino Médio e no Ensino Fundamental tanto no Brasil quanto no Exterior. O participante deverá optar pelo nível de Ensino que deseja obter o certificado no momento da inscrição.

Certificação e Declaração de Proficiência do Encceja

A participação no Encceja é voluntária e gratuita, destinada aos jovens e adultos residentes no Brasil e no exterior que não tiveram oportunidade de concluir seus estudos em idade própria.

No Brasil e no exterior, o exame pode ser realizado para solicitar a certificação no nível de conclusão do Ensino Fundamental e do Ensino Médio. A prova é destinada ao público com no mínimo 15 (quinze) anos completos na data da prova para o Ensino Fundamental. Já para o Ensino Médio, os interessados podem solicitar a certificação desde que tenham no mínimo 18 (dezoito) anos completos na data da prova.

O Exame constitui-se de provas estruturadas da seguinte forma:

a) Para o Ensino Fundamental:
Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física e uma proposta de Redação;
Matemática;
Historia e Geografia;
Ciências Naturais.

b) Para o Ensino Médio (apenas para os brasileiros residentes no exterior
Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e uma proposta de Redação;
Matemática e suas Tecnologias;
Ciências Humanas e suas Tecnologias;
Ciências da Natureza e suas Tecnologias.

As áreas do conhecimento foram estabelecidas a partir do currículo da Base Nacional Comum, de acordo com os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN’s).

A emissão dos Documentos Certificadores (Certificado e Declaração de Proficiência) é responsabilidade das Secretarias Estaduais de Educação que firmaram com o Inep o Termo de Adesão ao Encceja Nacional, disponível no Anexo do Edital do Exame.

O participante poderá solicitar o aproveitamento dos resultados de uma ou mais áreas de conhecimento avaliadas em quaisquer edições anteriores do Encceja, do Encceja Exterior e do Enem, desde que estejam dentro dos critérios estabelecidos nos Editais.

Cronograma e Locais de Prova de 2017

Conheça as datas de publicação dos editais, inscrições e aplicação das provas:


Encceja Nacional
Publicação do edital: 24 de julho
Inscrições: 7 a 18 de agosto
Aplicação: 8 de outubro
Locais de prova: Serão 564 locais distribuídos em todas as Unidades Federativas

Encceja Nacional PPL 
Publicação do edital: 7 de agosto
Adesão das unidades: 14 a 25 de agosto
Inscrições: 21 de agosto a 1º de setembro
Aplicação: 24 e 25 de outubro

Encceja Exterior
Publicação do edital: 30 de junho
Inscrições: 3 a 17 de julho
Aplicação: 10 de setembro
Locais de prova: Estados Unidos (Boston e New York), Bélgica (Bruxelas), Guiana Francesa (Caiena), Portugal (Lisboa), Suíça (Genebra), Espanha (Madri), Reino Unido (Londres), França (Paris), Japão (Nagóia, Hamamatsu e Ota), Holanda (Amsterdã)

Encceja Exterior PPL
Publicação do edital: 30 de junho
Inscrições: 3 a 17 de julho
Aplicação: 11 a 22 de setembro
Locais de prova: Guiana Francesa (Caiena) e Japão (Tóquio)

fontes: Agência Brasil/http://portal.inep.gov.br/encceja

domingo, 6 de agosto de 2017

NOTA DE PESAR PELA MORTE DA SERVIDORA PÚBLICA ESTADUAL MARIA PEDROSA


O Governo do Estado do Acre, através do Núcleo de Educação de Tarauacá, externa suas condolências aos familiares e amigos da Servidora do Quadro da Secretaria Estadual de Educação, Maria Pedrosa Moraes, falecida na noite deste sábado, 5 de agosto, em Rio Branco.  

Maria Pedrosa Morais, 50 anos. Maria, que estava UTI do Hospital de Urgência e Emergência teve uma parada cardíaca e não resistiu.

Seu corpo que está sendo transladado para Tarauacá nesta manhã será velado na Residência da sua Mãe dona Francisca, localizada na Rua Floriano Peixoto n° 256, em frente a maternidade. O sepultamento está previsto para acontecer as 17 horas de hoje, no Cemitério São João Batista.

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

CURSOS DO MÉDIOTEC INICIAM NA PRÓXIMA SEGUNDA FEIRA - VEJA LISTA OFICIAL DOS ESTUDANTES CLASSIFICADOS


A Secretaria de Estado de Educação e Esporte selecionou alunos da Escola Djalma da Cunha Batista em Tarauacá para ingressarem em Cursos Técnicos de Nível Médio concomitante com o Médio Regular, que serão ofertados pelo Instituto Dom Moacyr Grechi – IDM. 

Abaixo a lista com a relação oficial das turmas formadas pelo alunos do 2° ano do Ensino Médio, para cursar os cursos Técnico do Pronatec, em sua Nova Ação Denominada MedioTec.

O MedioTec é uma ação do Pronatec/Bolsa-Formação, que visa a oferta de cursos técnicos concomitantes ao ensino médio para alunos regularmente matriculados nas redes públicas de educação.


Os os cursos iniciam na próxima segunda feira, 07/08.


TÉCNICO EM ANÁLISE CLINICAS M1/2017


EMERSON MAIA DA SILVA 
TALISSON DANTAS LOPES 
JOSE DAVID GUEDES DA SILVA 
FRANCISCO ROBSON SOMBRA DA SILVA 
CAMILA VITORIA SOARES DOMINGOS 
BRUNA DA ROCHA GOMES 
ANTONIA ADEVANIA CAVALCANTE ANDRADE 
YANNA CLARA DE SOUSA LOPES 
YOGAN WYSTON FERREIRA CABRAL 
KEULE ARMES ARRUDA 
JUCIVAN VASCONCELOS MARTINS 
SAMA DE SOUZA DOS SANTOS 
JONES CARLOS DE SOUZA SILVA 
LUCIENE AMORIM DA SILVA 
IRIS DA SILVA SOUZA 
MARIA DESTERRO SILVA DE SOUZA 
DIOGO LEITE SOUSA 
FRANCILENE DE SOUZA LEAO 
DOUGLAS DE OLIVEIRA FERREIRA 
MARIA RITA DA SILVA COSTA 
FABRICIO RODRIGUES BANDEIRA 
ANGELA CARVALHO SILVA 
WESLEY DE OLIVEIRA NUNES 
DULCIVANIA DE PAIVA SILVA 
VINICIUS CAETANO SAMPAIO FERNANDES DE SOUZA


TÉCNICO EM ENFERMAGEM T1/2017



LUCAS LIMA DE SOUZA 
LUDYMILLA DE OLIVEIRA PINHO 
MARIA IRIS MARINHO FERREIRA 
MAYRLON MENEZES DE ARAGAO 
MARTA SILVA DA ROCHA 
MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA SILVA 
TEREZA MARTINS DA COSTA 
FRANCISCO RALISSON MESQUITA FREITAS 
MARIA FERNANDA DE SOUZA ARAUJO 
FRANCISCA DA SILVA MESQUITA 
MARIA DE FATIMA MIGUEL DE LIMA 
RHANYA MARIA SANTIAGO REGO 
ANNE DHARA MEDINA MAIA 
EMILLY NASCIMENTO DE AGUIAR 
HEDHIEMERSON DE OLIVEIRA BARBOSA 
ALAINE DA SILVA OLIVEIRA 
CARLOS EDUARDO DO NASCIMENTO VIANNA 
ANA PAULA DAS NEVES DO ESPIRITO SANTO 
GLAUBEM CRISTINA FERREIRA RODRIGUES 
MIKELVE PEREIRA ARAUJO 
LIVIA RAIMUNDA DE ALBUQUERQUE ALCANTARA 
KATRIANE DO NASCIMENTO DAMASCENO 
MESSIAS DOS SANTOS RODRIGUES 
MARIA LUZIVANIA CAVALCANTE DO NASCIMENTO 
MARIA ESTAELLY LOURENCO OLIVEIRA 


TÉCNICO EM GERÊNCIA DE SAÚDE /2017


JOSE FELIPE DA SILVA NASCIMENTO 
SIMONE DO NASCIMENTO FERREIRA 
ADAO DA SILVA MENDES 
RUAN DO NASCIMENTO PONTES 
ALINE SAMARA NERI DA SILVA 
RAIANA DA SILVA FARIAS 
VANDINARIA DE FRANCA DO NASCIMENTO 
LEIDIANE DO NASCIMENTO MARINHO 
SUELY MOURA DO NASCIMENTO 
JOSE ELESSANDRO MADEIRO DO NASCIMENTO 
FAGNER DE OLIVEIRA ANDRADE 
KALLEBY MENDES DA SILVA 
MARIA LAILIANE SOUZA DO NASCIMENTO 
BIANCA PINHEIRO DA SILVA 
RAELE MARIA LIMA DO NASCIMENTO 
MARCOS ANTONIO LIMA MOREIRA 
LUIS GUSTAVO ALVES MELEIRO 
ERONILDO SILVA ARAUJO 
VANILSON ELIAS QUEIROZ 
VERONICA DA SILVA FARIAS 
ISMAEL NASCIMENTO HESPANHOL 
FRANCISCO RANTZAU FERREIRA LIMA NETO 
FRANCISCA AS CHAGAS BISPO DO NASCIMENTO 
LEANDRA GOMES DA CONCEIÇÃO 
JERCILENE DA SILVA CONCEIÇÃO 


TÉCNICO EM IMOBILIZAÇÕES ORTOPÉDICAS M1/201


NICOLE OLIVEIRA PRADO 
ANNA JULIA MESQUITA SILVA 
JOSE CESAR CUNHA FERREIRA 
JOSE JEAN SILVA DE OLIVEIRA 
MARIA KATIANE DE LIMA SOUZA 
MISLA VENANCIO SOUZA 
IJUAN CHARLES DO NASCIMENTO DAMASCENO 
RAQUEL DOS SANTOS OLIVEIRA 
FELIPE GOMES LIMA 
JOAO DE DEUS DA SILVA BARRETO NETO 
JAICILENE TEIXEIRA FERREIRA 
LUCAS FELIPE DA SILVA 
LEONAIRA DE SA NAZARE 
FRANCISCO PEREIRA SOARES 
HAYLLON RODRIGUES MOTA 
MARCELIANE DE LIMA RODRIGUES 
DALILA DA SILVA SOBRALINO 
MAYARA ARAUJO DA SILVA 
MARIA CRISLANDIA OLIVEIRA DE ASSIS 
SAMILLA DE SOUZA NASCIMENTO 
JOSE MARCELO VIANNA DE OLIVEIRA 
ANDRE DA CONCEICAO VIEIRA 
REGINALDO SILVA NASCIMENTO 
JOSÉ LUCAS SILVA DE ALBUQUERQUE 
ANTÔNIO MARCOS LIMA NOBRE 




TÉCNICO EM INFORMÁTICA M1/2017


MARIA ERICA OLIVEIRA ALVES 
MARIA APARECIDA CAVALCANTE DE LIMA 
CLARICE ARRUDA CHAVES 
JANDERSON DE SOUSA MARINHO 
LUCAS SILVA GUIMARAES 
SHIRLEY GABRIELE PERES DE LIMA 
RYAN SILVA SOMBRA 
ENDERSON SILVA DO NASCIMENTO 
ORLEILSON ARAUJO BRAGA 
CARLOS VINICIUS CRUZ 
JEAN DE OLIVEIRA GOMES 
WEVILIS DE SOUZA ANDRADE 
MARIA TAILANE PERES DE SOUZA 
MARIA ERINEIDE MESQUITA PERES 
TALISSON FERRAZ MARTINS 
MARIA BEATRIZ SOUZA DO NASCIMENTO 
ANDRE MAIA LEITE 
MARIA PATRICIA SILVA DE SOUZA 
VANDERLEI LIMA DA ROCHA 
CLEIDIANE FERNANDES PINHEIRO 
MARIA DA CRUZ GARCIA 
JANARIA AMORIM FARIAS 
ISRAEL OLIVEIRA DA SILVA 
SAMARIA DE SOUZA LEÃO 
THALIA DOURADO DE SOUZA 


TÉCNICO EM INFORMÁTICA PARA INTERNET T1/2017


ARIANE MILEIDE LILA SOUZA
JARLEILSON GOMES DE BARROS 
LARISSA DA COSTA DE ALBUQUERQUE 
MARIA ANTONIA SILVA FERREIRA 
ALEXANDRE DO NASCIMENTO SOUZA 
JOSEILTON DOS SANTOS PORTELA 
LUCAS HANIEL DE PAULA LIMA 
CRYSTHIAN OLIVEIRA DO NASCIMENTO 
PEDRO JUVENCIO DARROSO BISNETO 
LUANNA FREIRE FERNANDES 
ADRIANA DA SILVA NASCIMENTO 
SAYMON ELEAMEN TOMAZ 
IRIS DE ARAUJO ALENCAR 
SANDY ARAUJO LIMA 
MARIA FERNANDA DE AMORIM SANTOS 
NIXON DA SILVA MARINHO 
MICAELY DE SOUZA SILVA 
ANTONIO LUCENILDO MADEIRO DE AMORIM 
IGOR COSTA DE SOUZA 
AURICELIO DE CARVALHO FERNANDES 
ANA CLARA OLIVEIRA SOUZA 
SAIONEY FERREIRA ABREU 
ALCIRLENE ALBUQUERQUE DE VASCONCELLES 
ALINE DA SILVA LUCENO 
BRUNA SILVA DE ANDRADE

(Portal Tarauacá)